Plano de Trabalho

CEF 201      SANTA MARIA-DF

Nome: Monica Saboia

Cargo: Diretora

Nome: Célia Cavalcante

Cargo: Vice-diretora

Instituição: Centro de Ensino Fundamental 201 de Santa Maria.

Endereço: CL 201 Área Especial Lote A Santa Maria/DF

CEP: 72501-401

Telefones: (61) 3901-4569 / 4568

E-mail: cef201sm@bol.com.br


Nível de Ensino: Fundamental – Séries Finais (5ª a 8ª séries)

Localização: Urbana

INTRODUÇÃO

A gestão educacional teve início nos anos 60, nos Estados Unidos e nos anos 80 na América Latina. O objeto da gestão educacional é o estudo da organização do trabalho no campo da educação.

A equipe gestora, composta pelo diretor, vice-diretor, assistentes, coordenadores, secretários, orientadores e conselheiros educacionais são os encarregados por conduzir a comunidade escolar aos limiares de satisfação e sucesso que todo trabalho deve almejar.

Atender aos anseios e expectativas do grupo escolar não é das tarefas mais fáceis. Faz-se necessário, primeiramente, um diagnóstico a cerca dos fatores que emperram o andamento das atividades escolares. Identificada a problemática, a próxima etapa consiste na elaboração de um plano, com objetivos, metas, estratégias, a ser aplicado na instituição educacional, criando condições para a realização das atividades pedagógicas, a fim de alcançar bons resultados e solucionar as adversidades.

JUSTIFICATIVA

O Plano de Trabalho foi elaborado com base no levantamento realizado nesta instituição de ensino, em novembro de 2007, através da avaliação institucional, aplicada em todos os setores.

Os principais fatores que entravam o andamento dos trabalhos serão elencados a seguir:

a) Avaliação pedagógica:

  • Agressividade, inquietação dos alunos;
  • Alto índice de aprovação com dependência;

  • Aumento dos índices de violência nas áreas próximas à escola;
  • Ausência da família;
  • Ausência de professor;
  • Defasagem idade/série;
  • Desmotivação do educador e educando;
  • Espaço físico insuficiente para desenvolvimento de atividades extra-classe;
  • Falta de pré-requisito;
  • Falta de segurança (Batalhão escolar, com policiamento ostensivo);
  • Grande quantitativo de alunos por sala;
  • Inadequação da linguagem científica quanto à série;
  • Indisciplina;
  • Não execução de algumas atividades propostas;
  • Não utilização de recursos materiais pedagógicos nas aulas;
  • Planejamento padronizado que não atendem diferentes perfis.

b) Avaliação Administrativa

  • Depredação do mobiliário (carteiras, mesas), banheiros;
  • Falta de recursos humanos e materiais;
  • Pichação do prédio público (áreas interna e externa).

c) Avaliação Financeira

  • Atendimento insuficiente às necessidades reais da escola.
  • Burocracia no uso de verba pública;

Detectadas as deficiências, cabe à equipe gestora, juntamente com os corpos docente e discente, encontrar mecanismos para sanar e/ou amenizar as adversidades que comprometem o bom andamento das atividades escolares.

Mecanismos estes como comprometimento, responsabilidade, dedicação, força de vontade, solidariedade e, sobretudo, valorização da educação no Distrito Federal.

OBJETIVOS

  • Acionar o banco de professores temporários para substituir professores ausentes, afastados;
  • Amenizar o problema da falta de pré-requisito e defasagem idade/série;
  • Ampliar a atuação do conselho escolar na tomada de decisões nas áreas pedagógica, administrativa e financeira.
  • Aplicar a verba pública para atender as reais necessidades da escola.
  • Assessorar os professores no planejamento, diversificação das aulas e execução das atividades pedagógicas;
  • Atrair mais freqüentadores à biblioteca da escola (pais, alunos, professores, servidores, associados);
  • Aumentar os índices de aprovação sem dependência;
  • Conscientizar os alunos a zelar o patrimônio público;
  • Criar espaços para atividades recreativas no horário do intervalo;
  • Cumprir e fazer cumprir as normas da escola;
  • Discutir coletivamente o projeto político-pedagógico da instituição, aprimorando-o;
  • Disponibilizar os recursos materiais disponíveis;
  • Fortalecer os laços de relacionamento entre professores, alunos e servidores;
  • Integrar a família à escola;
  • Mobilizar a comunidade no sentido de solicitar policiamento integral;
  • Obedecer a estratégia de matrícula do ano letivo de 2008, respeitando a modulação;
  • Planejar ações pedagógicas em conjunto com o grupo de professores e alunos;
  • Proporcionar condições de aprendizagem de alunos defasados em idade/série para promoção de série ao final do 1º semestre;
  • Promover atividades culturais;
  • Reduzir os índices de reprovação;
  • Reestruturar a divisão dos espaços físicos;
  • Reformular, juntamente com pais, professores e alunos, o atual regimento interno, adequando-o à nova realidade da comunidade escolar;
  • Revitalizar a quadra de esportes;
  • Solicitar junto a DRE de Santa Maria recursos humanos para completar o quadro de servidores da carreira assistência;
  • Valorizar os dons artísticos da comunidade escolar.

METAS

  • Adaptação dos espaços (salas);
  • Aplicação do projeto de intervenção na leitura, escrita e cálculo;
  • Disponibilizar espaço para exposição de trabalhos produzidos pela comunidade escolar;
  • Fazer um levantamento junto aos alunos e professores quanto as suas habilidades artísticas;
  • Promoção de atividades na biblioteca;

ESTRATÉGIAS

  • Aplicação de questionário sobre as habilidades artísticas.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: